terça-feira, 17 de setembro de 2013

Resenha: Odeio o Dia dos Namorados


Odeio o Dia dos Namorados é uma obra nacional, que tem como atriz principal Heloísa Périssé, que faz o papel da Débora. 
Se eu disser que o filme não é um clichê eu vou estar mentindo. Já assisti alguns filmes com o enredo bem parecido. Mas eu gostei muito, talvez por ser nacional. O charme de Odeio o Dia dos Namorados está nas referências brasileiras dos anos 80~90, que devem prender principalmente quem viveu naquela época. Apesar de ser uma época diferente(pelo menos pra mim) acho que é impossível não encontrar pontos em comum entre a Débora adolescente e nossa própria adolescência. 


Além disso o filme é cheio de referências à pessoas públicas atuais, e em certos momentos eu também notei alumas críticas pesadas mascaradas de humor referentes as escolhas culturais e políticas que o povo brasileiro tem feito. Muito interessante, porque o humor não perde a crítica, e a crítica não perde o humor.
Débora é uma publicitária de grande prestígio. Apesar de ter se realizado profissionalmente, ela se tornou uma mulher altamente arrogante e egoísta, que não consegue tratar bem as pessoas e por isso tem dificuldade em lidar com relacionamentos amorosos. As coisas complicam quando ela tem que fechar uma conta milionária cujo tema não poderia ser mais difícil para alguém como ela: o amor. Como se não bastasse isso o avaliador do seu projeto é seu ex-namorado, que foi deixado por ela de coração partido. Em meio a tantas confusões Débora vive um flash back de sua vida que a faz repensar se suas escolhas e atitudes não poderiam ter sido melhores.
Leve, engraçado, aconchegante. Recomendo para momentos de descontração. Vocês já assistiram? O que acharam? Eu confesso que gosto muito do cinema brasileiro, e esse filme não poderia ficar de fora. (:
Gosta do blog? Que tal nos acompanhar nas redes sociais?

Beijos, Marcelinha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e pelo comentário ♥

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...